top of page
  • victoriajully9

Rivalidade inflamada: Israel e Irã à beira do confronto. A paz está ameaçada no Oriente Médio?

Publicado 14/04/2024


Começou neste sábado (13/4) um ataque com drones e mísseis contra Israel. Já ouve confirmação e posicionamento sobre o ocorrido.

O governo de Israel, em comunicado oficial no X. (antigo Twitter), disse: "Mais cedo, o Irã lançou drones de dentro do seu território em direção a Israel. As IDF estão em alerta máxima e monitorando a situação. A defesa aérea das IDF está em alerta máxima, juntamente com os caças aeronáuticas e os navios da marinha israelense que estão em missão de defesa do espaço aéreo e naval israelense. As FDI estão monitorando todos os alvos”.

Para entendermos a origem desse conflito, precisamos saber que ambos estão há anos em uma rivalidade sangrenta que virou uma das principais fontes de instabilidade no Oriente Médio e cuja intensidade varia conforme o momento geopolítico. A rivalidade entre os 'arqui-inimigos' já fez inúmeros mortos, muitas vezes em ações secretas em que nenhum dos governos admite sua responsabilidade. A escalada bélica no Oriente Médio teve um grande desenvolvimento com um ataque de drones lançado pelo Irã contra Israel. Forças de Defesa de Israel anunciaram no sábado (13/4) que o ataque estava em curso e disseram que as forças israelenses estavam em alerta máxima e “monitorando todos os alvos”.

A distância de Irã para Israel é de 1.585km. O trajeto, segundo o exército israelense, dura horas, e segundo a mídia israelense, foram lançadas centenas de drones.

O irã disse que via a missão como feita por legítima defesa. “Nada na presente Carta prejudicará o direito inerente de legítima defesa individual ou coletiva no caso de ocorrer um ataque armado contra um Membro das Nações Unidas, até que o Conselho de Segurança tenha tomado as medidas necessárias para a manutenção da paz e da segurança internacionais” artigo 51 da Carta das Nações Unidas Citado em resposta.

Em pronunciamento, o Irã pediu para os Estados Unidos não entrarem no conflito e diz que o assunto deve ser concluído, ou seja, que não iria dar continuidade ao ataque, exceto se Israel revidasse.


Enquanto a situação não apaziguar, a população israelense, emendando os brasileiros, e várias pessoas ao redor do mundo, pedem e publicam sobre paz entre Irã e Israel.


38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page